seja bem-vindo ao nosso site!

quinta-feira, 16 de novembro de 2017

Morador fotografa fantasma que assombra seu apartamento


Adam Ellis é um ilustrador que mora em Manhatttan, Nova York (EUA) e divide seu apartamento com dois gatos e o fantasma de um garotinho que quer acabar com sua vida. A história não vem de hoje, mas foi recentemente que Ellis fez a coisa mais maluca que poderia fazer: ele fotografou a assombração! Se você acha isso inacreditável, coloque mais esse dado na sua equação: Ellis sofre de paralisia noturna e nunca sabe se foi um pesadelo ou se aconteceu de verdade e parece um pesadelo porque ele não consegue reagir. Durante seu pesadelo mais recente, no começo de novembro, Ellis se lembra de ter pego o celular e tirado umas fotos com ele no escuro. No dia seguinte, ele lembrou de ter passado por aquilo que achava ser um pesadelo e foi lá ver se realmente tinha tirado as fotos — e lá estavam elas. Na real, ele tinha tirado as fotos sim e pareciam apenas fotos tiradas na mais completa escuridão. Isso até que alguém teve a ideia de ajustar a luminosidade e o contraste das imagens e quando isso aconteceu... ... LÁ ESTAVA ELE! O fantasma do garotinho — do mesmo jeito que Adam Ellis sempre descreveu — sentado no sofá do outro lado da sala.



Este é o momento em que o fantasma supostamente se levanta e vem caminhando na direção de Ellis. Segundo Ellis, esta foi a foto que fez com que seu coração parasse... Foi quando o garoto veio na direção dele e começou a murmurar coisas que Ellis não entendia... Depois disso, ele revirou os olhos até que eles ficassem totalmente brancos e foi subindo na cama até que Ellis acordou — e já não era mais noite.
Adam Ellis criou um esquema em sua conta no Twitter em que conta toda a história desde o começo, em agosto, quando ele percebeu que seu apartamento estava sendo assombrado pelo fantasma de uma criança morta que queria assassiná-lo. Ellis acha que, depois de aparecer em seus sonhos, o garoto morto atravessou para o "mundo real". Na primeira vez que viu o fantasma, Ellis estava tendo um episódio de paralisia do sono e viu um garoto sentando em uma cadeira verde que ele tem no pé da cama.

Ellis chegou a desenhar o fantasma. Segundo ele, o garoto tem um lado da cabeça afundado... Ellis fez esse desenho em agosto. Ele relata um sonho que é puro filme de terror. Neste sonho, ele estava em uma biblioteca quando uma garotinha chegou perto dele e perguntou "Você anda vendo o Dear David, não anda?"... Foi quando ele descobriu o nome do fantasma: Dear david (Querido David) e descobriu também que ele sempre aparece perto da meia noite. A menina que apareceu para Ellis em sonho contou também que você pode fazer duas perguntas para o fantasma, mas tem sempre que começar tratando a assombração por "Dear David"... Então, a garotinha fez um alerta: nunca faça uma terceira pergunta... OU ELE MATA VOCÊ". Quando sonhou de novo com Dear David, Ellis tratou logo de fazer a primeira pergunta: "Dear David... como você morreu?"... Dear David respondeu que foi em um acidente em uma loja. Ellis perguntou "Dear David... o que aconteceu na loja?" e o fantasma respondeu que alguém tinha empurrado uma estante e que ela tinha caído na cabeça dele — o que explicaria a cabeça amassada do fantasma. Aí, Ellis caiu na besteira de fazer a terceira pergunta: "Quem empurrou a estante?" e Dear David não respondeu e, percebendo que havia feito uma terceira pergunta, Ellis acordou apavorado. Ellis ficou tão apavorado que, quando soube que havia um outro apartamento para alugar, um andar para baixo, mudou na mesma hora. O apartamento era maior e aquilo pareceu ter despistado Dear David. Enquanto isso, Ellis pesquisou na internet e tentou achar algum acidente parecido com aquele que o fantasma contou que havia sofrido — não achou nenhum.

Desde então, Ellis tem lidado com tudo: lâmpadas que queimam misteriosamente, ligações mudas de números desconhecidos em seu celular, aparições inexplicáveis e sonhos cada vez mais macabros, mas nada superou — até agora — as fotos que ele conseguiu fazer do Dear David no começo do mês.

quarta-feira, 15 de novembro de 2017

VÍDEO FORTE: homem se enforca na frente da família que filma tudo.


Gravação de 20 segundos mostra homem se enforcando, enquanto família tenta salvá-lo, um membro da família grava a tentativa de um parente contra a própria, que é salvo pela mulher. A gravação dura cerca de 20 segundos e mostra o que parece um quarto, com um homem pendurado no telhado, tentando finalizar o enforcamento. Mesmo com os esforços da mulher, a vítima da depressão tenta ir até o fim. Contudo, o homem não teve sucesso e sobreviveu.

Abaixo, você confere o vídeo.


Vale lembrar que o vídeo foi feito por um parente da vítima, que quis fazer o registro como uma espécie de alerta para outras famílias. Caso você sofra de depressão ou tenha pensamentos perturbadores, procure ajuda da família e de profissionais. No Brasil, o Centro de Valorização à Vida (CVV) funciona 24 horas e está disposto a ajudar qualquer pessoa que esteja passando por um período difícil. O contato pode ser feito pelo telefone, em ligação gratuita, para o 144 ou ainda pela internet, no site cvv.org.br. Nele, o grupo disponibiliza ajuda por Skype, e-mail ou chat. Como diversos especialistas já comentaram, a depressão é o grande mal do atual século e atinge cada vez mais pessoas. O que também é notado, é que os jovens estão sendo o público que mais sofre com a doença. Pesquisadores das universidades norte-americana de São Diego e Flórida, que buscam entender mais o distúrbio, passaram a fazer estudos com os adolescentes. Resultados divulgados recentemente mostram que o contato intenso com  computadores, tablets e smartphones podem levar ao quadro depressivo. Os pesquisadores ainda alertam que os pais cuidem e monitorem os filhos que passam a ficar mais de cinco horas diárias na frente dos dispositivos. A pesquisa descobriu que 48% dos suicidas passa esse período de tempo, de alguma maneira, isolado.

segunda-feira, 6 de novembro de 2017

Dica De Filme - A autópsia.



“Tommy Tilden (Brian Cox) e Austin Tilden (Emile Hirsch), seu filho, são os reponsáveis por comandar o necrotério de uma pequena cidade do interior dos Estados Unidos. Os trabalhos que recebem costumam ser muito tranquilos por causa da natureza pacata da cidade, mas, certo dia, o xerife local (Michael McElhatton) traz um caso complicado: uma mulher desconhecida foi encontrada morta nos arredores da cidade – “Jane Doe”, no jargão americano. Conforme pai e filho tentam descobrir a identidade da mulher morta, coisas estranhas e perigosas começam a ocorrer, colocando a vida dos dois em perigo.”
  
    Veja o trailer abaixo:


49 coisas para você nunca procurar no Google Imagens.


Como já era de se esperar do gigante da Internet, o Google é capaz de reunir tudo de tudo, afinal, é praticamente impossível você procurar por algo e ele retornar sem nenhum resultado, a não ser que seja algo muito específico, é por isso que por mais que você seja curioso, por mais que você queira saber o que está por trás de cada palavra ou frase pesquisada, existem aquelas que você nunca deve procurar no Google. A internet é um vasto território público de conteúdos e imagens que as pessoas compartilham o tempo todo e para os mais diversos segmentos. E no meio desse turbilhão de informações aos quais somos submetidos o tempo todo, alguns conteúdos acabam sendo inapropriados para menores ou mesmo para pessoas de estômago fraco. Claro, ninguém irá lhe impedir, mas não esqueça de que nós lhe avisamos.

Confira:

1. Abortion
2. Bee cock
3. Blue Waffle Disease
4. Brown Recluse Spider Bite
5. Calcanhar de Maracujá
6.Clubbed Foot
7. Crabs the STD
8. Elefantíase
9. Faces of Death
10. Felching
11. FEMSE
12. Fisting
13. Gypsy 100
14. Goatse
15. Goiter
16. GlassAss.com
17. Harlequin Fetus
18. Herpes
19. Ictiose de Harlequin
20. Large Anus
21. Lemonparty
22. Leucoplasia
23. Macory
24. Motumbo
25. Mr. Hands
26. Muito Nojento
27. OWN3D
28. OFFENDED
29. Plastic Surgery Catwoman
30. Roadkill
31. Smoking lungs
32. The Will Power
33. This is not sexy
34. TubGirl
35. Varicose veins
36. Worlds Ugliest Dog
37. WTF tit
38.  Miíase
39.  Tripofobia
40.  Centopeia Humana
41.  Homem elefante
42.  Homem Árvore
43.  Pé de chinesa
44.  World’s Ugliest Cat
45.  Homem-peixe
46.  Rato-toupeira pelado
47.  Homem-elefante
48.  Fournier
49.  Boca de larva

11 Casos Reais Chocantes De Necrofilia


Em grego, nekros significa “cadáver” e philia significa “amor”, daí o termo necrofilia, que é definido como “gratificação sexual por ter relação sexual com o morto”. O comportamento é considerado a estar entre o mais pervertido de todos os desejos e é conseqüentemente considerado um crime na maioria dos territórios. Nesta seleção são apresentados os 11 Casos reais chocantes de necrofilia.

11º
Com o cadáver da madrasta



Em fevereiro de 2008, um assassinato duplo terrível aconteceu em Louisville, Kentucky. Laura Hughes de 39 anos de idade e sua filha Tessa de 12 anos de idade, foram encontradas sem vida na casa delas em Zilma Avenue. Surpreendentemente, o suspeito era o meio irmão de Tessa e enteado de Laura, Martin Hughes. Metro Police alegou que Martin de 20 anos de idade tinha admitido durante a investigação deles que tinha atirado em Tessa primeiro, e então em Laura depois. Ainda mais perturbador, após os assassinatos, Martin afirmou ter tido relações sexuais com o cadáver de Laura.

10º
homem faz sexo com idosa morta a 7 dias

Um homem é acusado de violar um túmulo e manter relações sexuais com o cadáver de uma mulher de 82 anos, no Cemitério São Pedro, no distrito de Sucesso, no município de Tamboril, a 301 km de Fortaleza, no último sábado, 2. De acordo com informações da Delegacia Regional de Crateús, a Polícia encontrou o corpo da idosa, que havia sido enterrada há sete dias.
  
    Video


Com cabeças decepadas



Edmund Kemper III teve uma infância difícil que foi marcada pelo divórcio de seus pais, uma mãe alcoólatra que muitas vezes humilhava ele, e sendo realocado, para viver com seus avos paternos. Provavelmente como um resultado destas circunstâncias, ele exibia comportamento psicótico e anti-social em uma idade muito jovem. Então em 27 de agosto de 1964, quando Kemper tinha apenas 16 anos de idade, ele discutiu com sua avó, então atirou nela na cabeça antes de esfaqueá-la repetidamente. Mais tarde, quando o avô de Kemper chegou a casa, o garoto atirou nele também. Além disso, ele exibia comportamento exemplar, permitindo a ele ser solto apenas a 5 anos depois de seu duplo assassinato. No entanto, de 1972 a 1973, ele separadamente assassinou 6 estudantes mulheres e sua própria mãe. Pior, ele se envolveu em sexo com as cabeças decepadas das estudantes mulheres.


Com o cadáver de uma mulher de 92 anos de idade



Em 2007, Anthony Merino, de 24 anos, de Nova York foi contratado como um técnico de laboratório em Holy Name Hospital em New Jersey. De modo surpreendente, no seu décimo quarto dia de trabalho, os guardas de segurança o pegaram fazendo sexo com o cadáver de uma mulher de 92 anos de idade.


Com uma carcaça de cervo



Em 11 de outubro de 2006, Bryan James Hathaway, de 18 anos, estava andando de bicicleta ao longo de Stinson Avenue em Wisconsin quando ele encontrou um cervo morto. Estranhamente, o animal despertou o interesse do jovem e começou a mover a carcaça para a floresta para ter relações sexuais com isso. Hathaway afirmou que ele se sentiu chateado consigo após fazer o que tinha feito, mas aparentemente, ele tinha exibido anteriormente uma ânsia por necrofilia depravada.


Com até 100 cadáveres em um necrotério



Em 1982, o vendedor David Steffen matou Karen Range, e em razão de sêmen foi encontrado no cadáver de Range, ele foi acusado de estuprá-la. No entanto, Steffen veemente negou o estupro, levando as autoridades a investigar a questão. De forma surpreendente, o sêmen encontrado no corpo combinava com o perfil de DNA de Kenneth Douglas, o assistente no necrotério de Cincinnati onde o corpo de Range estava armazenado. Com sólida evidência associando-o como um necrófilo, Douglas declarou-se culpado por abusar sexualmente do cadáver, assim valendo a ele uma sentença de prisão de 3 anos. De modo perturbador, em uma audiência de deposição, Douglas admitiu, em ocasiões separadas, ter relações sexuais com até 100 cadáveres antes que eles fossem autopsiados.


Teria sido com um cadáver desenterrado



Em 2006, os irmãos gêmeos Nicholas e Alex Grunke, junto com o amigo deles Dustin Radke, planejaram desenterrar um cadáver e ter relações sexuais com o mesmo. A vítima escolhida dos jovens de Lancaster, Wisconsin, foi uma mulher de 20 anos de idade que tinha recentemente morrido em um acidente de moto, e cujo obituário Nicholas tinha se deparado. Na noite do esquema doentio, os três jovens homens levaram uma lona, um pé de cabra, fita adesiva, e uma caixa de preservativos com eles, e se dirigiam em uma van para realizar o plano. Ao cavar a sepultura da mulher morta, eles foram pegos por policial, e posteriormente acusados.


Com cadáveres usados como um colchão para sexo



Este caso não envolve sexo real com mortos, mas é ainda classificado sob fetiche de necrofilia. O incidente aconteceu em Joliet, Illinois no dia 10 de janeiro de 2013, depois que Alisa Massaro de 18 anos de idade decidiu realizar suas fantasias. Uma amiga, Bethany McKee de 18 anos de idade, ajudou por atrair os jovens de 24 anos de idade, Terrence Rankins e Eric Glover para a casa de Massaro por prometer a eles favores sexuais. Então, o namorado de Massaro, Joshua Miner de 24 anos, matou os homens, depois Miner, com a ajuda do amigo de 19 anos, Alan Landerman, amarrou os cadáveres e os cobriu com um lençol bege. Miner e Massaro então fizeram sexo em cima dos corpos, mas McKee disse que acreditava que Landerman também tinha participado nos atos sexuais. Naturalmente, Massaro entrou em um acordo de confissão com promotores, testemunhou contra seus 3 co-acusados, e recebeu uma sentença de 10 anos de prisão. Enquanto isso, Miner, McKee, e Landerman foram sentenciados à prisão perpétua.


Com os cadáveres de homens que ele tinha matado



Dennis Andrew Nilsen cometeu em ocasiões separadas, 12 assassinatos em Londres, Inglaterra, de 1978 e 1983. Naquele período, ele atraiu os homens para suas duas casas, então estrangulou e, em alguns casos, os afogou. Mais tarde, ele limpava e vestia os cadáveres, depois que ele se masturbava em cima deles ou realizava sexo intercrural, que consiste na colocação do pênis entre as coxas do parceiro, empurrando por atrito, com alguns deles.


Com as mulheres que ele tinha matado, ele vestia as roupas das mulheres


Antes de Jerry Brudos ter nascido em Dakota do Sul em 1939, sua mãe havia desejado ter uma menina. Decepcionada ao ter um filho, ela muitas vezes vestia Jerry com roupas de menina e o tratava muito mal. Isto parecia adversamente afetar Brudos, assim ele desenvolveu um fetiche estranho por sapatos femininos, que ele muitas vezes satisfazia por roubar sapatos de mulheres. Então, a partir de 1968, enquanto casado, e com filhos em Salem, Oregon, ele começou uma onda assassina que em 4 ocasiões distintas, tinha se vestido de roupas de mulheres, estrangulou uma mulher, e trouxe o corpo dela para a garagem da casa da família. Lá, ele se masturbava sobre cada corpo, enquanto ele vestia os sapatos de salto alto. Ele até amputou dois pares de seios destes cadáveres e os usou como pesos de papel. Finalmente, os crimes de Brudos foram descobertos, e ele foi sentenciado à prisão perpétua.


Com numerosos cadáveres de mulheres que ele tinha matado



Ted Bundy dos EUA, está entre os mais famosos de todos os serial killers, e entre seus numerosos crimes estava a necrofilia. Sua história serviu de inspiração para o filme “Silêncio dos inocentes”. A primeira instância registrada de Bundy fazendo sexo com um cadáver envolvia seu assassinato de 1975 de Lynette Culver, uma garota de 12 anos de idade de Idaho. Na verdade, as autoridades não sabiam que Bundy estava envolvido no desaparecimento de Culver, até que ele revelou a eles detalhes sobre a garota que ele não teria de outro modo conhecimento, se não tivesse falado com ela. De modo chocante, Bundy admitiu ter atraído Culver da escola, levado ela para um quarto de hotel, a afogado na banheira, e então agrediu sexualmente antes de descartar seu cadáver em um rio. Posteriormente, Bundy admitiu ter vitimado mais de 100 pessoas. Ele também narrou ter revisitado os cadáveres de suas vítimas para prepará-las e realizar atos sexuais com elas até que os corpos estivessem decompostos ou fossem destruídos por animais selvagens.

Fotógrafa Dinamarquesa Foi Para Necrotérios E Crematórios Fotografar O Após A Morte

Imagens impressionantes, mas totalmente reais.
 A fotógrafa dinamarquesa Cathine Ertmann sempre foi curiosa para ver o que acontece depois da morte, e é por isso que ela decidiu fazer um trabalho muito original e especial. As autópsias e crematórios foram parte de um trabalho enquadrado por imagens reveladoras e reflexivas.

Por ter a autorização do Instituto de Patalogia do Hospital Universitário Aarhus, Cathine teve acesso ao necrotério, autópsias, crematório e cerimôn


Através dessa sessão de fotos, estamos testemunhando o que ela viu… corpos em decomposição, momentos de ansiedade.


O medo da morte


Mas também uma obsessão cultural com a juventude e beleza até depois do fim de seus dias.


Cathine diz que as fases da morte nos permitem reconhecer o valor da nossa vida.


O valor que só damos aos entes queridos após partirem.


Sob sua lente, ela admira a vida humana, que é fragmentada em detalhes como uma mão, uma mecha de cabelo, uma cabeça, etc.


Ao mesmo tempo, ela disse ser na capela do Instituto de Patología que a morte é aceita.


No crematório os caixões são queimados. As flores são removidas, mas os desenhos, cartas e fotografias acompanham o corpo no forno.


“Há manchas azuis e vermelhas no corpo quando você está morto. Os hematomas são sinais que mostram que as células pararam e o sangue foi levado às pressas para os pontos mais baixos do corpo. Uma etiqueta nos dedos fornece a informação essencial sobre a pessoa falecida.”


Finalmente, quando está pronto para ser velado, o corpo é penteado e vestido como eles queriam ser “lembrados” pelas suas famílias:

São momentos de tristeza e superação. Uma reflexão, uma morte, uma alma que vai viver para sempre.

sexta-feira, 2 de dezembro de 2016

Estado islâmico esta desenvolvendo uma bomba atômica.



Estão devolvendo essa arma em seus porões, vários teste já foram realizados O presidente americano, Barack Obama, afirmou que o mundo tomou medidas "concretas" para evitar o terrorismo nuclear. Mas, para Obama, a possibilidade de o Estado Islâmico obter uma arma nuclear é "uma das maiores ameaças à segurança global". Em novembro do ano passado o grupo atacou uma casa de shows, um estádio de futebol e uma região cheia de restaurantes em Paris, causando a morte de 130 pessoas. Neste ano os alvos foram o aeroporto de Bruxelas e uma estação de metrô na capital belga. Mas o medo é que a escalada do terror agora se torne maior e que o próximo passo do grupo extremista seja um ataque nuclear, o que multiplicaria o número de vítimas e os danos."Sabemos que o estado islâmico buscam acesso a esses materiais nucleares muitas fontes dizem que o estado islâmico tem urânio enriquecido suficiente para produzir várias bombas nucleares. Dispor de material nuclear pode ser a última barreira – e a mais complexa – para as organizações extremistas.Tal situação os está deixando mais próximos de construir uma bomba atômica, no mínimo improvisada. Segundo o estudo, uma iniciativa diplomática concentrada é urgente, já que os esforços dos Estados Unidos para evirar o acesso dessas facções a esse tipo de armamento têm perdido fôlego. O diretor executivo da ONG, Sam Nunn, ex-senador dos Estados Unidos, ressaltou, em Washington, a importância de uma ação conjunta de vários governos. — Estamos em uma corrida entre cooperação e catástrofe e os líderes mundiais devem acelerar o passo. Uma série de fatores contribuiu para a situação chegar a esse nível de perigo, segundo a agência. O esfriamento das relações entre Estados Unidos e Rússia é um deles. Some-se a isso, o financiamento inadequado, uma estagnação burocrática, um grau perigoso de descaso e a incompreensão do atual contexto por parte de algumas nações.

quinta-feira, 27 de outubro de 2016

Homem é acusado de abusa sexualmente de uma bezerra.


Por volta das 00h20 da noite desta quarta-feira (26/10), o indivíduo Francisco Barros de Sousa, 43 anos, vulgo “CIRILO”, foi capturada e amarrado em um tronco de um pau, acusado de estuprar uma bezerra e furta alguns pertences das vitimas.

A propriedade e os animais pertencem ao produtor e agricultor Edmar Miranda Rodrigues conhecido por Edmar Felizardo que reside na rua Manoel Laurindo Val, no bairro Macambira em Buriti dos Lopes.

De acordo com relatos do proprietário dos animais, há 08 dias, uma bezerra estaria apresentados comportamentos e sintomas estranhos tal como sangramento na genitália e tremores. Ainda de acordo com o dono das bezerras, o mesmo homem, já tinha praticado alguns furtos em sua propriedade e estava sendo observado pelo mesmo.
O GPM foi acionado na mesma noite desta quarta-feira, ao chega no local, encontrou “CIRILO” já dominado e amarado ao tronco de um pau, daí então, os PMs prenderam o suspeito em flagrante e o levaram para delegacia.

Na manhã seguinte, foi encontrado no local do creme, um facão, uma sandália e várias cordas pertencentes do acusado, possivelmente para amarrar as bezerras e facilitar o estupro.
Um boletim de ocorrência foi realizado pelo proprietário dos bezerros e “CIRILO” encontra-se preso na delegacia de policia civil de Buriti dos Lopes aguardando os procedimentos da lei.

terça-feira, 25 de outubro de 2016

Jovem morre em acidente em Picos-PI

Uma motociclista de 21 anos de idade, identificada por J. S., morreu em um acidente de trânsito na cidade de Picos, no sudeste do Piauí. O fato ocorreu por volta das 7 horas. Segundo a Polícia Militar, o acidente de trânsito foi provocado provavelmente pelo fato da vítima achar que daria tempo de ultrapassar uma Van, mas aquele 1% falhou e acabou caindo e sendo colhida por uma carreta. Ela teve parte do corpo esmagado. O acidente aconteceu na BR 316, em frente ao posto Papai Noel. A suspeita é que ela estaria indo para o centro da cidade, quando topou na Van e caiu. A jovem conduzia uma motocicleta modelo Honda BIZ, de cor vermelha, e estava a caminho do trabalho. A jovem morreu no momento do acidente.





MOTOQUEIRO MORRE APÓS COLISÃO COM VEÍCULO NA BR-424

Um motociclista morreu após um carro colidir em sua moto, no Km 79, da rodovia BR-424, nas imediações do aterro sanitário de Garanhuns, no Agreste. Cláudio Batista dos Santos, de 33 anos, morava no Sítio Cajarana, zona rural de Garanhuns, ele pilotava uma motocicleta de placa PFL-3306, quando o condutor de uma Pick-p Strada colidiu na traseira da moto. O impacto da batida foi tão forte que ele foi projetado para a caçamba do carro e a moto ficou presa na frente do veículo.A vítima sofreu lesões graves, não resistiu e teve morte imediata, o condutor da Pick-up não teve o nome divulgado, o corpo foi encaminhado para o Instituto de Medicina Legal (IML) de Caruaru.


 
A maioria do conteúdo deste site foi retirado da Internet, por isso, não nos responsabilizamos e nem temos direitos autorais sobre as imagens e textos. Caso algum conteúdo seja de sua autoria, favor nos contatar, para que possamos remover ou colocar os devidos direitos autorais.Copyright© 2013-2016